29.4.12

Quanto amor!...


Depois de Vicky, Cristina Barcelona e Meia Noite em Paris, eis que Woody Allen (aquele fofo) nos surge com mais um filme que se passa em um lugar maravilhoso. O destino invejado da vez é a Itália, mais especificamente: Roma!

Por culpa de Woody Allen eu tenho vontade de conhecer Barcelona. E agora ficarei mais ansiosa ainda pelo lindo dia - mais feliz da minha vida - em que eu poderei conhecer a Itália: um lugar onde se respira história e cultura, com uma arquitetura invejável e paisagens belíssimas. Cujo idioma é um dos mais bonitos do mundo (senão o mais bonito). Onde só existem pessoas lindas e de personalidade forte. E onde nasceu o dono da voz mais doce e tocante: Andrea Bocelli.  




Cheio de humor e com muito amor, o filme parece ser tão bom quanto Meia Noite em Paris e Vicky Cristina Barcelona. Este último, no entanto, é até agora o meu favorito. Será que Para Roma, com Amor tomará esta posição?


O Woody está tão fofinho né? Ele me lembra o meu voinho (eles nasceram até no mesmo ano).


E vocês, lindinhos, gostam dos filmes do Woody também? Estão ansiosos para ver este?

3 comentários:

Ed disse...

Sim, sim, sim. Já quero muito ver esse filme! *-*

Eduarda Menezes disse...

Sempre fico ansiosa para ver os filmes do Woody Allen, mas acho difícil que algum consiga ultrapassar o amor que sinto pelo Meia Noite em Paris (aquele filme é incrível demais); é tão bom e perfeito que o meu pai se empolgou e decidiu levar todo mundo pra Paris numa viagem huhauaha tô achando que vou levá-lo para assistir esse também hehehe
O Woody é um velhinho adorável mesmo, ele tem uma pinta de bonzinho, é impossível não acha-lo super fofo! Também adoro Andrea Bocelli, adoro, adoro mesmo! \o/ Sou louca para conhecer a Itália, fiquei com muita vontade de ver esse filme, tenho certeza de que será o máximo!
Já a minha vontade de conhecer Barcelona veio do Carlos Ruiz Zafón

Eduarda Menezes disse...

Meu comentário ficou incompleto Carolzinha! Acho que me empolguei e cliquei em Publicar sem querer! rs
Beijão querida, esqueci de me despedir, que mal educada!

Postar um comentário